Militares iniciam campanha anti-PT


CMRJ - 63 MILITARES INICIAM CAMPANHA NACIONAL PELO VOTO ANTI PT.
EM 64, FORAM DERROTADOS PELAS ARMAS, EM 2014 O SERÃO PELO VOTO!!!

Encaminho visando fazer chegar a campanha a grupos, a associações, a escolas, aos clubes, círculos militares, aos condomínios, a paróquias, a centros acadêmicos, universidades e aos aposentados. Visando ainda à formação de grupos de pessoas amigas capazes de acompanhar e estimular a mobilização nacional pelo voto anti PT.

Repassem para o bem do Brasil.

Os militares, parte da Igreja Católica, Evangélicos, maçonaria e aposentados estão chegando!!
Vamos às ruas contra o comunismo!!!
Atenção clube militar do Rio de Janeiro!
Atenção Marinha do Brasil!
Atenção círculos militares do sudeste!
Atenção Exército do nordeste!

Rogo aos amigos milires e amigos civis que também estão revoltados com os demandos, as roubalheiras, com os escândalos e com as "maracutaias" que o PT e petralhada desde a posse do "bêbado horroris" causa na presidência, que repassem para os colegas militares, amigos e parentes civis, de modo a que possamos formar uma corrente de pessoas dignas e corretas para fazer frente ao domínio petista.

Essa corrente tem que tentar, de qualquer forma, alcançar as pessoas de bem que não têm acesso às informações corretas e verdadeiras das bandalheiras que são traiçoeiramente encobertas pelos favores das bolsas, das cotas, do empreguismo e de ações populistas de toda ordem.
Sérgio Caetano de Barros, já era hora!!! Esta é a maior batalha sem o uso de nenhum artefato bélico, não só nós militares, mas por todos os brasileiros insatisfeitos com as mentiras deslavadas.
Vamos usar apenas um tipo de arma que causará em todos os enganadores do Brasil ferimentos mortais; esta arma, a mais simples de todas: o nosso voto.
Vamos à luta, Brasil!!!
Militares e brasileiros de verdade iniciam campanha nacionanal anti PT.
"Pensávamos que seria um governo de um homem do povo para o povo, mas tudo indica que se transformou no governo dos escândalos e favorecimentos ilícitos" - disse um dos militares.

Os militares das Forças Armadas somam mais de 600.000 entre os que estão em atividade e os da reserva. Somados com seus dependentes e círculos de influência esse quantitativo pode passar de 5 milhões de pessoas. Um número que definitivamente pode mudar os rumos de qualquer eleição.
Militares estaduais também estão insatisfeitos com o governo federal, que não facilitou para que as negociações sobre a PEC300 prosseguissem. Na passeata em Copacabana verificou-se a presença de lideranças dos policiais e bombeiros do Rio de Janeiro, e isso acena para uma possível união de militares federais e estaduais. Se isso se concretizar e chegar às urnas certamente será um problema a mais para os políticos vermelhos.
Os militares das Forças Armadas, comumente, são homens de conduta ilibada e bem relacionados. Formadores de opinião. É frequente serem preferidos para assumir cargos de síndico em seus edifícios, diáconos em igrejas católicas e evangélicas, pastores e líderes comunitários. Homens preparados e competentes como líderes e aptos para discursar diante de pequenos e médios grupos, eles representam realmente um perigo em potencial para o partido da situação, se resolverem usar sua influência para um objetivo comum.
Pesquisas demonstram que as Forças Armadas são as instituições com maior credibilidade no Brasil, o que confirma que os militares brasileiros gozam de excelente reputação junto à sociedade.
Nos últimos meses há freqüente divergência entre militares das Forças Armadas e o governo. Manifestos Interclubes, abaixo-assinados dos oficiais e marcha virtual, são exemplos de grandes questões surgidas ainda este ano. Essa aparente queda de braço com os militares pode causar bastante prejuízo nas pretensões dos políticos que estão "confortáveis", já a curtíssimo prazo.
Somos mais de 30 milhões de aposentados em todo país; podemos mudar o rumo das eleições! Todos têm que votar e não ficar em casa concordando com essa política de miséria!
Os médicos brasileiros já começaram essa campanha, vamos à luta!

Talvez assim, consigamos começar a melhorar este país!
Precisamos mostrar que temos força, não estamos mortos e eles passarão a se acautelar e nos enxergar com o justo respeito e dignidade.
Essa é a melhor forma...
Vamos nos unir!
Não se acovardem!
Votem em quem quiser, exceto apenas que não seja alguém do PT ou de seus aliados. Por amor ao país, vamos impactar o comodismo que domina o governo federal e mostrar que temos - juntos com o povo que é soberano - a maior força da internet e do poder do voto.
Já passou da hora de virar a mesa!
Repasse para seus amigos!

"O mundo é um lugar perigoso de se viver, não por causa daqueles que fazem o mal, mas sim por causa daqueles que observam e deixam o mal acontecer." (Albert Einstein)

"Sou um só, mas ainda assim sou um. Não posso fazer tudo, mas posso fazer alguma coisa. E por não poder fazer tudo, não me recusarei a fazer o pouco que posso".